Olhares Podcast feminista que tem como escopo desconstruir a visão do mundo sobre as mulheres e atribuir novos olhares. Engajar-se com o feminismo é perceber diferenças onde não deveriam existir e lutar para estas não se perpetuem. Os episódios são quinzenais. Só de ouvir, dá pra ver que é diferente! http://olharespodcast.com.br.

May 14, 2020  

Hoje começa uma série do Olhares Podcast sobre eleições municipais de mulheres e termina nossa série sobre covid-19. Esta série é uma forma de nos comprometermos com esse momento de pré-campanha eleitoral de mulheres em todo o Brasil. No mês de maio mulheres costumam se lançar como pré-candidatas, como forma de avaliar a viabilidade da candidatura para um cargo municipal a partir das campanhas que se iniciam em agosto. Falaremos hoje num aspecto mais amplo, como os impactos da quarentena e da pandemia alteram nossos juízos de valor sobre o que queremos defender politicamente e quais estratégias podemos usar quando não é possível a campanha corpo-a-corpo.

 

Nossa Convidada

 

Danusa Marques - Cientista política e professora adjunta na Universidade de Brasília - UnB

 

Links citados no episódio

 

 

Caleidoscópio

 

 

SE VOCÊ É PODCASTER, RESPONDA À PESQUISA DE #MULHERESPODCASTERS

 

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

 

Alice Silva, Aristoteles Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina Herrera, Denise Dantas, Diego Resende, Elisa Cruz, Emília Oliveira, Fabris Martins, Geovane Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Santos,  Josianne Sperançolo, Julia Yoshino, Luizy Aparecida Carlos, Marcia Costa, Maria Carolina Rodrigues, Paloma Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata Lima, Rodrigo Azevedo e Tássia Gimenes.

Apoie o Olhares em: padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br 

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

 

 

April 30, 2020  

Em tempos de quarentena, os valores feministas estão todos presentes. Num Estado desprotetor, efeitos da pandemia exigem proteções sociais ainda mais acentuadas. Quais são as condições de sobrevivência das mulheres? Nesta entrevista, falamos sobre a necessidade de nos tensionar constantemente para trazer mais valores aos feminismos que gostaríamos de construir num momento pós-pandemia. Pode parecer loucura, mas arriscamos dizer: depois disso tudo, valores feministas serão ainda mais presentes.

 

Nossa Convidada

 

Débora Diniz - Antropóloga, professora da faculdade de direito da Universidade de Brasília e pesquisadora do Centro para Estudos Latino Americanos e Caribenhos da universidade americana Brown.

 

Caleidoscópio

 

 

SE VOCÊ É PODCASTER, RESPONDA À PESQUISA DE #MULHERESPODCASTERS

 

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

 

Alice dos Santos Silva, Aristoteles Homero dos Santos Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina da Silva Herrera, Denise Cortês Dantas, Diego Lemos de Resende, Elisa Costa Cruz, Emília Rodrigues de Oliveira, Fabris Martins, Geovane Monteiro Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Marcia Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Oliveira Santos, Julia Yoshino, Luizy Aparecida da Silva Carlos, Marcia Costa, Paloma Silva Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata de França Lima, Rodrigo Candido Azevedo e Tássia Gimenes.

 

Apoie o Olhares em: padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br

 

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

April 16, 2020  

Falamos tanto sobre divisão sexual do trabalho, mas ainda não tínhamos nos debruçado sobre este tema. Em tempos de quarentena, este assunto está ainda mais visível em nossas vidas. Acompanhe este episódio para entender mais sobre este tema, e o que ele representa na vida das mulheres. 

 

Nossa Convidada

 

Carla Antloga - Professora, pesquisadora e psicóloga da Unversidade de Brasília - UnB.

 

Caleidoscópio

 

 

SE VOCÊ É PODCASTER, RESPONDA À PESQUISA DE #MULHERESPODCASTERS

 

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

 

Alice dos Santos Silva, Aristoteles Homero dos Santos Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina da Silva Herrera, Denise Cortês Dantas, Diego Lemos de Resende, Elisa Costa Cruz, Emília Rodrigues de Oliveira, Fabris Martins, Geovane Monteiro Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Marcia Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Oliveira Santos, Julia Yoshino, Luizy Aparecida da Silva Carlos, Marcia Costa, Paloma Silva Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata de França Lima, Rodrigo Candido Azevedo e Tássia Gimenes.

 

 

 

Apoie o Olhares

 

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

 

Como o machismo se manifesta em tempos de Corona Vírus? Neste episódio falamos sobre como se comportam as pessoas dentro de grupos de whatzapp e quem está trabalhando nestes tempos, seja em casa ou no trabalho. Em uma análise precisa, falamos sobre como os estereótipos de gênero se manifestam e qual a interpretação que estes memes que estão aparecendo nos grupos fortalecem discursos machistas que prejudicam e até violentam as mulheres. Se você quiser ver os memes citados no episódio, clique no botão abaixo para baixar o arquivo em PDF.

Baixe aqui o arquivo

Nossa Convidada

Valeska Zanello - Doutora em Psicologia, psicóloga e bacharel em filosofia. Pesquisa o tema saúde mental e gênero, tendo como foco as mulheres. Autora de vários artigos, capítulos e livros. Professora do Departamento de Psicologia Clínica, na Universidade de Brasília. Orientadora de mestrado e doutorado no Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura/UnB.

Caleidoscópio

Links citados no episódio

Relatos de aumento de violência doméstica na China e no Rio de Janeiro 

SE VOCÊ É PODCASTER, RESPONDA À PESQUISA DE #MULHERESPODCASTERS

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

Alice dos Santos Silva, Aristoteles Homero dos Santos Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina da Silva Herrera, Denise Cortês Dantas, Diego Lemos de Resende, Elisa Costa Cruz, Fabris Martins, Geovane Monteiro Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Marcia Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Oliveira Santos, Julia Yoshino, Luizy Aparecida da Silva Carlos, Marcia Costa, Paloma Silva Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata de França Lima, Rodrigo Candido Azevedo e Tássia Gimenes.

Apoie o Olhares em: padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

March 19, 2020  

O movimento Me Too começou no final de 2017 e procura demonstrar nas redes e fora delas a necessidade de se debater sobre o assédio sexual e a agressão sexual. Dados revelam que 87% das vítimas de assédio no ambiente de trabalho não fazem denúncia. Somente em 2018 uma lei sobre importunação sexual foi promulgada. Até quando nos silenciaremos? Até quando teremos medo? Precisamos falar sobre assédio e importunação sexual.

Nossas Convidadas

Ludmila Reis - Procuradora do trabalho no MPT

Nathalia Waldow - Advogada, membra da associação das advogadas pela igualdade de gênero, raça e etnia e co-fundadora da Startup WomenFriendly

Caleidoscópio

SE VOCÊ É PODCASTER, RESPONDA À PESQUISA DE #MULHERESPODCASTERS

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

Alice dos Santos Silva, Aristoteles Homero dos Santos Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina da Silva Herrera, Denise Cortês Dantas, Diego Lemos de Resende, Elisa Costa Cruz, Fabris Martins, Geovane Monteiro Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Marcia Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Oliveira Santos, Julia Yoshino, Luizy Aparecida da Silva Carlos, Marcia Costa, Paloma Silva Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata de França Lima, Rodrigo Candido Azevedo e Tássia Gimenes.

Apoie o nosso projeto em: padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

March 5, 2020  

A última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio do IBGE de 2019 demonstrou que apenas 20% dos profissionais que atuam no mercado de TI são mulheres. E a raiz do problema não está atrelada ao grau de educação, pois as mulheres de TI têm mais diplomas e capacitações do que o homens do setor no Brasil, e ainda assim, ganham 34% menos do que eles.  Neste episódio falamos da necessidade de se falar sobre gênero dentro dos espaços tecnológicos e como o feminismo pode se apropriar dessas ferramentas para construir mais igualdade e enfrentar violências.

 

Nossas Convidadas

 

Cristina Castro - Embaixadora do Women Empowerment (WeAmericas), embaixadora do WEDO Brazil.

 

Dani Estevam - Empreendedora, representante da PyLadies.

 

Caleidoscópio

 

 

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

 

Alice dos Santos Silva, Aristoteles Homero dos Santos Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina da Silva Herrera, Denise Cortês Dantas, Diego Lemos de Resende, Elisa Costa Cruz, Fabris Martins, Geovane Monteiro Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Marcia Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Oliveira Santos, Julia Yoshino, Ligia Lila, Marcia Costa, Paloma Silva Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata de França Lima, Rodrigo Candido Azevedo e Tássia Gimenes.

 

Apoie o Olhares em: padrim.com.br/olhares

 

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br

 

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

February 20, 2020  

Um projeto para promover o debate sobre a grande dificuldade em se alcançar uma democracia mais saudável. Tudo se traduz na dificuldade de elegermos mulheres no Brasil. Apesar de representarem mais de 50% da população e, mesmo estando na cota de 30% entre os candidatos, nunca ultrapassaram a barreira de 15% dentro do Legislativo. Neste episódio falaremos da audácia de capacitar mulheres, documentar o congresso nacional e denunciar estes números que comprovam a sub-representação das mulheres nos cargos do Poder Executivo. Conheçam o Me Farei Ouvir.

Nossas Convidadas

Dandara Lima - Jornalista, profissional de marketing e uma das idealizadoras do projeto Me Farei Ouvir.

Ilka Teodoro, advogada, militante feminista, ex-candidata a Deputada Distrital em 2018 e atualmente Administradora da Região Administrativa do Plano Piloto (Brasília/DF)

Caleidoscópio

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

Alice dos Santos Silva, Aristoteles Homero dos Santos Cardona Junior, Barbara Miranda, Beatriz Sabô, Carolina da Silva Herrera, Denise Cortês Dantas, Diego Lemos de Resende, Elisa Costa Cruz, Fabris Martins, Geovane Monteiro Pedrosa, Giulia Losnak, Gleyce Marcia Prazeres, Izabel Lima, Jean Carlos Oliveira Santos, Julia Yoshino, Marcia Costa, Paloma Silva Galvão, Rafael Cavalcanti, Renata de França Lima, Rodrigo Candido Azevedo e Tássia Gimenes.

Apoie o Olhares em padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o nosso projeto em olharespodcast.com.br

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

February 6, 2020  

O trabalho de mulheres na produção e cuidado acontece no campo e tem pouca visibilidade. Em seus quintais, mulheres plantam muito do que comemos, sem veneno, com respeito ao meio ambiente. Em suas comunidades, mulheres constroem e lutam politicamente pela preservação dos povos tradicionais, cultura e meio ambiente. Juntas, vão contra a violência contra a mulher, agroindustria, a monocultura, a mineração, em uma organização política importante que garante a sobrevivência da região da Zona da Mata e também a comida de muitas pessoas que ali vivem. E com isso, a reflexão sobre gênero não passa batido e alcança a discussão em nível nacional. Hoje elas dizem: sem feminismo não há agroecologia.

Nossas Convidadas

Elisabeth Cardoso - Agrônoma, do Centro de Tecnologias Alternativas da Zona da Mata (CTA/ZM), e parte do grupo de trabalho de mulheres na Articulação Nacional de Agroecologia.

Liliam Telles - Militante da Marcha Mundial das Mulheres, engenheira florestal, integrante do Centro de Tecnologias da Zona da Mata (CTA/ZM), parte do GT de Mulheres da ANA e uma das idealizadoras da Cerveja Libertária.

Caleidoscópio

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

Alice dos Santos Silva, Marcia Costa, Jean Carlos Oliveira Santos, Carolina da Silva Herrera, Diego Lemos de Resende, Barbara Miranda, Julia Yoshino, Jamille Lemos dos Santos, Aristoteles Homero, Fabris Martins Cruzeiro, Geovane Monteiro Pedrosa, Ligia Lila, Denise Cortês Dantas, Gleyce Marcia Prazeres, Giulia Losnak, Izabel Lima, Beatriz Sabô, Paloma Galvão, Tássia Gimenes, Renata de França Lima, Elisa Cruz, Rodrigo Azevedo e Rafael Cavalcanti. Seu apoio é fundamental para a continuidade do nosso projeto.

Para apoiar o Olhares e nos ajudar a crescer: padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

December 12, 2019  

Por vezes ouvimos a expressão "feminismo e religião não se misturam", mas e quando o dogmas religiosos influenciam diretamente no direito das mulheres? Neste episódio conversamos sobre como as mulheres podem e têm buscado seus direitos sem abrir mão de professar sua fé cristã. Este é o primeiro episódio de uma série sobre mulheres e religião onde pretendemos relacionar o feminismo a diversas religiosidades.

Nossas Convidadas

Pastora Romi Márcia Benke - Teóloga, Mestra em Ciência da Religião. Atualmente é Secretária Geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil.

Tabata Tesser - Socióloga e Conselheira Nacional das Católicas pelo Direito de Decidir no Brasil.  

Caleidoscópio

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

Alice dos Santos Silva, Marcia Costa, Jean Carlos Oliveira Santos, Carolina da Silva Herrera, Barbara Miranda, Aristoteles Homero, Fabris Martins Cruzeiro, Geovane Monteiro Pedrosa, Ligia Lila, Denise Cortês Dantas, Gleyce Marcia Prazeres, Giulia Losnak, Izabel Lima, Beatriz Sabô, Paloma Galvão, Tássia Gimenes, Renata de França Lima, Elisa Cruz, Rodrigo Azevedo e Rafael Cavalcanti. Seu apoio é fundamental para a continuidade do nosso projeto.

Apoie o olhares em: padrim.com.br/olhares

Saiba mais sobre o Olhares em: olharespodcast.com.br

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

November 28, 2019  

O feminismo negro juntamente com estudos decolonizadores têm colocado as mulheres que há muito escrevem e debatem a questão da mulher negra na sociedade em evidência. Este ano, Angela Davis e Patricia Hill Collins vieram ao Brasil e enalteceram escritoras brasileiras como Lelia Gonzales, Celi Regina Jardim Pinto, Sueli Carneiro, Djamila Ribeiro, Beatriz Nascimento e tantas outras que há muito lutam pela emancipação da mulher negra no cenário nacional.

Houve também a vinda de Silvia Federici que polemizou o trabalho da mulher, e é sobre isso que vamos falar neste episódio. Um trabalho que não é valorizado e ainda é algo remanescente do período que muitos corpos foram escravizados.

Para este período dos 16 dias pelo fim da violência contra mulheres e meninas, gostaríamos de falar sobre este tema, ainda tão pouco explorado dentro do recorte feminista.

Nossas Convidadas

Thais Cardoso - Coordenadora geral da Frente Negra de Ciência Política - UnB

Luisa Batista- Presidenta da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas - FENATRAD

Caleidoscópio

Nosso agradecimento especial aos padrinhos e madrinhas: 

Alice dos Santos Silva, Marcia Costa, Jean Carlos Oliveira Santos, Carolina da Silva Herrera, Barbara Miranda, Aristoteles Homero, Fabris Martins Cruzeiro, Geovane Monteiro Pedrosa, Ligia Lila, Denise Cortês Dantas, Gleyce Marcia Prazeres, Giulia Losnak, Izabel Lima, Beatriz Sabô, Tássia Gimenes, Renata de França Lima, Elisa Cruz, Rodrigo Azevedo e Rafael Cavalcanti. Seu apoio é fundamental para a continuidade do nosso projeto.

Saiba mais sobre o Olhares em olharespodcast.com.br

Apoie nosso projeto em padrim.com.br/olhares

Música utilizada na abertura do Episódio: I dunno by grapes (c) copyright 2008 Licensed under a Creative Commons Attribution (3.0) license. Ft: J Lang, Morusque

- Older Posts »